Anatomia do casco ovino

É importante conhecer o casco dos ovinos para diagnosticar com precisão suas enfermidades e anormalidades. Funcionalmente, os cascos são a base de apoio para os animais, e a dor ou claudicação tem fortes prejuízos econômicos como a perda de peso e função reprodutiva (mais importante nos machos).

Os cascos dos membros anteriores e posteriores dos ovinos são compostos basicamente de 3 envólucros que são diferentes em origem e função. Para melhorar o entendimento, podemos pensar em 3 diferentes extratos do tegumento: epiderme, derme e tecido subcutâneo.

O crescimento do casco se dá de dentro para fora (derme -> epiderme) e o tecido que contém a camada germinativa do casco (responsável pela formação de um casco sadio) é chamado de córion e é uma especialização da derme. Já a epiderme é uma estrutura queratinizada que no casco é chamada de estojo córneo. O tecido subcutâneo forma uma  coxim digital (ou almofada plantar/palmar), que é base para as falanges média, distal e osso navicular.

casco 1

 

glandula interdigital

 

 

Leituras de referência:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s